.

slides

Boletins informativos

.

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Christine Feehan -->> Os Cárpatos -->> 1º Livro -->> Dark Prince



Os Cárpatos




Romance de Christine Feehan.
Esse livro faz parte das Dark Series que contam a história dos Carpathians, que são shape-shifters (metamorfos). Os Carpathians são uma raça não humana que vivia nos Montes Cárpatos. Eles nascem como crianças normais, mas conforme vão crescendo perdem a tolerância pela luz solar e passam a se alimentar de sangue. Têm muitos poderes e habilidades, sendo a principal de se transformar em leopardos e se comunicar com animais. Eles podem viver milhares de anos, não para sempre. Devido a muitas guerras e intolerância de humanos na região ele foi quase dizimado. Alguns se mantiveram em sua cidade governada pelo Príncipe e outros se espalharam por aí.
Suas histórias nos permitem explorar tudo – desde as paisagens naturais aos exóticos e perigosos animais, além da natureza do amor verdadeiro e da paixão.
Embora sejam “humanos”, eles mantém uma natureza animalesca onde muitas vezes o instinto fica acima da razão. O que torna sua estória original é que cada um deles nasce tendo um (a) “Life mate”. Mesmo que possam se envolver com outras pessoas o sentimento nunca será igual a quando acham os lifemates. Eles viverão paixão e desejo eterno e nunca poderão se separar. Serão unidos por um laço mental e se tornarão um só. O máximo que pode acontecer com as mulheres se elas não acharem o lifemate é viver um pouco infeliz, mas os homens, conforme vão envelhecendo, perdem a capacidade de ver cores e ter emoções e, se continuam sozinhos até uma idade avançada, correm risco inerente de se tornarem vampiros, assassinos sem alma, irracionais, tendo às vezes que escolher entre esse risco ou acabar com a própria vida para o bem de sua espécie. Muitos desses homens se tornam caçadores de vampiros e ao mesmo tempo em que são admirados como heróis pelos outros são temidos e repudiados, pois se um dia vierem a se tornar vampiros terão habilidades que os tornarão quase invencíveis. E sua vida é sempre solitária e triste, pois com o passar dos anos muitos amigos abraçam a escuridão e devem ser eliminados. sãoSeres ligados a Terra e ela é a fonte de sua energia e vitalidade. Estão em luta por sua sobrevivência tanto contra inimigos como para a perpetuação da raça – uma vez que a capacidade de gerar descendentes é bastante limitada como vocês perceberão ao longo do enredo da série

A vida das mulheres, embora diferente, também é difícil. Depois das guerras sobraram muito poucas fêmeas e quase nenhuma nasce. Os machos se tornaram ainda mais agressivos e territoriais do que já eram para protegê-las e nenhuma tem lá muita liberdade, a maioria sendo guardada até atingir uma idade descente (tipo 18 anos) para ser entregue ao seu lifemate que às vezes têm uns 800. Elas não têm instinto assassino como os machos e não caçam vampiros mas têm outras habilidades como telepatia, cura, hipnose etc. tão poderosas quanto às deles.

Embora os livros sejam super. Românticos, esse ímpeto que eles têm de se juntar não acontece romanticamente. É puramente instintivo no começo, mesmo que as pessoas não se gostem. Principalmente para muitas mulheres, que veem o encontro com o lifemate como uma sentença de prisão.





 Dark Prince

Mikhail Dubrinsky veio para Raven pela noite, como um predador - força e poder são suas principais características. A sedução foi profunda e elementar, ele atingiu a sua alma. Sua necessidade. Sua escuridão. A terrível solidão que a assombrava. Com seus sentidos despertos, enfatizou a força perigosa do seu corpo. Queimado por ele. E ele só a tocou com a sua mente.
Ela veio até ele de madrugada, na sua hora mais sombria. Como o animal se enfureceu dentro dele, ameaçando consumi-lo, o seu desespero vagava durante séculos de idade num grito angustiado que preencheu a noite minguante. E ela respondeu, um raio de luz, perfurando a sua escuridão. Um anjo lindo. Sua compaixão, coragem e inocência despertaram nele um desejo requintado e ternura. Ele sabia que deve possuí-la, pois só ela poderia domesticar seu lado selvagem e levantar a sombra escura de sua alma. Para além estavam desolados, desolado. Entrelaçados fisicamente e espiritualmente, eles poderiam curar um ao outro e viver uma eternidade de noites repletas de amor.
Eles não são seres humanos, eles não vivem na mesma sociedade que nós. Eles têm que defender seu território para viver, e preservar as fêmeas que garantem a sobrevivência dos machos, como os animais nos quais se transformam.
Eles são criaturas da terra, naturais e animalescas que se preocupam com coisas práticas e carnais (boa parte do livro são cenas de sexo). São uma sociedade primitiva com poderes paranormais.
Os vampiros mesmo só servem para atacá-los e alarmar alguns humanos que acabam formando sociedades secretas para caçá-los, não os diferenciando de seus próprios inimigos.
Em meio a tudo isso sempre se desenvolve uma estória romântica, pois os lifemates acabam se apaixonando e as únicas escolhas são ficarem juntos ou morrer.

----->>>CONVERTIDO POR CARLA TAVARES <<<------





http://www.easy-share.com/1912487014/Cárpatos-01.rar

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails
Related Posts with Thumbnails

.

Ocorreu um erro neste gadget

AdSense